Periodontia

Dra. Angela Lobato

CRO-PA 1267

Dra. Angela Lobato.png

Entendendo a saúde bucal.

Quando falamos de saúde bucal, não estamos falando apenas dos dentes, mas também das demais partes da boca, como a gengiva e as estruturas que sustentam os dentes, e são nestes órgãos que a periodontia atua.

Desta forma, a periodontia nada mais é do que a área da odontologia que cuida da região da gengiva, que tem como função fixar os dentes aos ossos do maxilar e da mandíbula, tornando possível a capacidade de morder, mastigar e de falar. Devido a estas funções tão importantes, vemos que o cuidado com esta região da boca é indispensável, uma vez que doenças ou problemas que afetam as gengivas podem acarretar complicações muito sérias ao paciente.

O que é a periodontia?

A periodontia é uma área da odontologia que visa a prevenção, diagnóstico e tratamento de doenças e outros problemas que agridem as gengivas, o ligamento periodontal e também ossos alveolares.

Basicamente existem três situações que a periodontia atua, sendo cada uma delas importante para a saúde bucal como um todo. São eles a:

  • A Periodontia Clínica, que é voltada para a prevenção de problemas bucais, como, por exemplo, a gengivite e a periodontite.

  • A Periodontia Médica, que atua no tratamento de problemas mais graves, acarretados ou agravados por problemas periodontais, como o tabagismo e a diabetes.

  • E a Periodontia Estética, voltada para as cirurgias no tecido gengival e ósseo, e têm como finalidade melhorar a estética do paciente, em caso dos que apresentam sorriso gengival.

Quais tratamentos e benefícios dessa especialidade?

  1. Remoção da placa bacteriana ou tártaro;

  2. Diminuição do grau de infecção bucal;

  3. Salubridade dos tecidos;

  4. Cura do processo inflamatório;

  5. Cura do processo infeccioso;

  6. Desaparecimento ou diminuição do sangramento das gengivas;

  7. Melhoria estética das regiões com retração gengival;

  8. Prevenção contra doenças que provocam perda de dentes.

Procure seu Periodontista! Evite problemas como:

  1. Diastemas, ou seja, espaço entre os dentes;

  2. Dentes frágeis e moles;

  3. Mau hálito;

  4. Perda de um ou mais dentes;

  5. Perda do osso alveolar e consequente dificuldade de futuros tratamentos protéticos;

  6. Infecções graves causadas por bactérias que chegaram à corrente sanguínea.

Quando devo procurar um Periodontista?

Para a prevenção e também a manutenção da saúde bucal, o recomendado é que se faça a visita ao dentista ao menos uma vez a cada seis meses. Nas consultas, os profissionais fazem uma avaliação bucal geral, além de uma limpeza completa.

Caso o paciente apresente algum problema bucal, como tártaro, por exemplo, é realizada uma raspagem, que busca remover essa placa bacteriana dura, evitando outras complicações como a inflamação das gengivas.

Além dessas consultas realizadas para prevenir complicações bucal, o paciente deve se dirigir ao periodontista sempre que apresentar algum sintoma das doenças periodontais, como inchaço ou sangramento das gengivas durante a higienização da boca. Vale ressaltar, que nem todos os problemas periodontais são visíveis, e isto aumenta a necessidade de sempre estar em dia com seu dentista.

Caso o paciente não tenha o cuidado com a saúde da sua boca e não procure ajuda profissional, a doença pode evoluir para um quadro de periodontite, o que levará a complicações mais graves como mau hálito, sangramento, feridas, sensibilidade e até mesmo a perda de um ou mais dentes.

Quando a doença avança a este ponto, será necessário que o paciente passe por uma raspagem, além do alisamento radicular, que é um procedimento realizado na raiz do dente, que visa diminuir a inflamação presente.

Como é a recuperação do tratamento?

Durante os procedimentos os dentes poderão ficar mais sensíveis, então evite comer alimentos ácidos, frios ou muito quente nas primeiras horas após o tratamento. 

Não há nenhuma recomendação que seja necessária antes da realização da periodontia. Contudo, pacientes que apresentam diabetes, imunidade baixa e problemas cardíacos receberão as orientações e cuidados necessários do periodontista para evitar qualquer complicação devido ao procedimento.

Gengivoplastia: tudo o que você sempre quis saber sobre esse procedimento.

A gengivoplastia é a remodelação cirúrgica do tecido gengival ao redor dos dentes. Muitas vezes, isso é feito simplesmente para melhorar a aparência das gengivas. Eles podem ter uma forma incomum ou podem não ser formados normalmente. A gengivoplastia reformula as gengivas para torná-las mais naturais. Geralmente é feita isoladamente, mas pode ser feita durante ou após uma gengivectomia. A gengivoplastia também pode ser feita junto com um enxerto de gengiva. Este tipo de cirurgia adiciona tecido à linha da gengiva.

Gengivoplastia e um sorriso perfeito.

Uma razão muito comum pela qual uma gengivoplastia pode ser realizada é ajudar a criar gengivas mais atraentes. Se alguém sente que suas gengivas cobrem muito os dentes ou cria o que é conhecido como “sorriso gengival”, esse procedimento pode ajudar bastante.

No procedimento as gengivas são cortadas cuidadosamente, expondo mais dentes ao sorrir. Além disso, se a massa real da gengiva for espessa, devido a hiperplasia ou problemas genéticos, esse procedimento também poderá ser usado para eliminar parte dessa massa extra de gengiva.

Isso pode ajudar bastante a melhorar a confiança de um indivíduo, melhorando a autoestima e fazendo a pessoa a ter coragem de sorrir novamente.

Como a Gengivoplastia é feita?

Lasers são o método mais comum usado para gengivoplastia, sendo utilizado os Lasers mais modernos na Lounge Clinic.

 

Após a administração da anestesia local, o excesso de tecido gengival é aparado, recontornado e selado usando um laser de tecidos moles. Não há necessidade de pontos e quase não há dor ou desconforto envolvido, sem sangramento.

Tempo do procedimento.

Uma gengivoplastia leva de 30 a 60 minutos, dependendo da quantidade de tecido gengival que seu dentista remove. Procedimentos menores envolvendo um único dente ou vários dentes provavelmente levarão apenas uma única sessão. A remoção ou remodelação importante da gengiva pode levar várias visitas, especialmente se o seu dentista quiser que uma área cure antes de passar para a próxima.

Quanto tempo leva para se recuperar?

Se executado adequadamente por um dentista periodontista com experiência em cirurgia oral e lasers dentais, o tempo de recuperação pode ser mínimo. No entanto, se a cirurgia incluir enxertos ósseos, você precisará diminuir sua atividade física por um curto período de tempo para melhor cicatrização. Se você sentir um leve inchaço ou dor, é completamente normal e deve estar presente por apenas alguns dias.